Quem foi o Judeu Apolo e o que a Bíblia nos ensina sobre ele?

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmail

Apolo um orador e intelectual das escriturasApolo era um ser de uma geração mais moderna, um homem bem expressivo, um intelectual de seu tempo. A Bíblia diz pouco sobre ele no Novo Testamento, entretanto ao que se indica ele teve grande influência sobre a Igreja no seu tempo.

Apolo era um jovem judeu natural da cidade de Alexandria, a qual era conhecida como a segunda maior do Império Romano na época.  Ela era reconhecida igualmente como um abrigo para muitos judeus refugiados e se tornou uma cidade famosa por ter sido o local onde foi feito a tradução e produção da versão da Bíblia Hebraica.

Apolo um comunicador eficiente

O personagem bíblico Apolo foi um homem diferenciado bem convincente e ele se destacou como um ser culto e bem educado. Ele possuía um conhecimento avançado em ciências helenísticas, na filosofia, e especialmente na retórica.

Ele tinha a arte de se comunicar bem, devido a sua dedicação aos estudos acabou desenvolvendo uma grande habilidade comunicativa e poder de argumentação. De forma convincente ele defendia e com maestria suas opiniões e pensamentos.

Apolo um estudioso das escrituras bíblicasO “apostolo” da época também tinha grande influência nas escrituras, ele conhecia detalhadamente o antigo testamento e podia entendê-lo de forma rápida. Ele tinha um alto conhecimento e entendimento das lições da Bíblia, pois não era simplesmente um leitor e sim um estudioso da sagrada escritura de forma profunda e construindo assim uma autoridade para falar e defender as escrituras.

O seu mestre e a sua formação

Apolo era da mesma época de Filo, conhecido por ser um filósofo influente e também um famoso teólogo judeu. Ele escrevia comentários sobre o antigo testamento, criou vários métodos para a interpretação da santa escritura, fez de tudo para harmonizar a filosofia helenística com a revelação que era passada nas Escrituras.

Apolo, supostamente foi aluno de Filo na época, ele tinha amplo conhecimento sobre a filosofia helenística, e conhecia muito bem o Antigo Testamento.

Ele foi educado muito bem na forma acadêmica e também de forma religiosa, onde tinha amplos conhecimentos em todas as partes. Apolo também era visto como uma pessoa polêmica, mas um polêmico de sucesso no que fazia e defendia.

Não posso dizer exatamente em que época, mas o que posso afirmar é que Apolo se transformou em um sábio em relação às escrituras sagradas durante a difusão do evangelho depois de Pentecostes.

Assim que ele entendeu o verdadeiro significado sobre Cristo ele saiu a pregar para todos aqueles judeus e se tornou um grande missionário lavando o evangelho por onde ele passava, sempre cheio de espírito, aproveitava do seu dom de falar bem e falava de Jesus Cristo para todos seus semelhantes.

Apolo tirava grande proveito dos seus conhecimentos e da sua formação para servir e fazer a vontade do Senhor. Ele usava seus conhecimentos sobre as escrituras e o seu poder de persuasão para convencer os judeus a se converterem aos caminhos de Jesus.

Apolo: um pregador de influente

Ele se entregou totalmente ao ministério cristão e fez parte história em Acaia, Éfeso e Corinto, tudo isso com entusiasmo. Mais precisamente em Corinto. Na época ele causou um grande impacto naquela cidade, e também conquistou muitos seguidores, pois algumas pessoas daquela época ate adotaram seu nome.

Por meio de muito conhecimento, ele passou a ter mais compreensão sobre as escrituras, e tornou-se um dos mais hábeis advogados da fé cristã.

Apolo possui a sua data comemorativa pela Igreja Católica no dia 8 de maio.

Conclusão

Como vimos no decorrer do artigo Apolo era um homem que tinha sede em aprender mais e mais sobre as sagradas escrituras, e em todos os momentos ele utilizou dessa sabedoria para levar a palavra de Deus a todos e a principalmente aos judeus, podemos dizer que Apolo foi um homem de sucesso na propagação do evangelho.

 


Recomendados para você:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmail