Os Principais Tipos de Religiões e seus Significados Espirituais de Fé

Símbolos das principais religiões do mundo

A Religião,

um sistema de crenças que estabelece e regula as relações entre os seres humanos e as divindades.

A palavra religião aplica-se aos sistemas que comportam fé numa crença, obediência a um determinado código moral e participação em cultos.

Religião, em geral, consiste num teísmo e implica a crença em um deus pessoal, vivo, espiritual e diferente do mundo que ele próprio criou.

Existem diversas formas de teísmo:

  • Henoteísmo, cultua-se um único deus, mas se reconhece a existência de outras divindades;
  • Monoteísmo, cultua-se um único Deus e se nega a existência de qualquer outro;
  • Politeísmo, crença em muitos deuses;
  • Panteísmo, crença que considera coincidente a divindade e o universo natural;
  • Panenteísmo, crença segundo a qual a divindade e o universo natural coincidem, embora professe uma transcendência de Deus diante da natureza.

A religião é, portanto, fé comunitária e consiste em três elementos: a crença, o código e o culto ou liturgia.

Crença é a fé na revelação de Deus.

Código é o sistema de leis morais, coligidas pelos homens, que comportam sanções e autorizações divinas.

Culto é o ritual onde a comunidade coloca sua consciência em harmonia com a mente de Deus.

O Principal finalidade de cada religião  é a Salvação

A salvação é o objetivo final da religião salvífica, a síntese suprema, já que aceita a integração do ser humano à comunidade divina.

Em algumas religiões significa a sobrevivência além da morte, através da ressurreição do corpo. Após a morte, aqueles que não se incorporaram são proscritos e enviados à geena islâmica e judaica e ao inferno cristão.

O termo geena originou-se no nome do vale Ge-Bem Hinnom, onde eram queimadas as crianças sacrificadas a Moloch e, também, o lixo de Jerusalém.

Geena, significando inferno, é muitas vezes citada no Alcorão. Maomé, provavelmente, absorveu a palavra das comunidades judaicas de Medina com as quais manteve rígido contato.

As tradições religiosas do judaísmo, cristianismo e do islamismo sustentam a ideia de uma queda inicial. Conseqüentemente, a vontade humana encontra-se pervertida pelo egoísmo e pela soberba.

Portanto, a salvação é impossível sem ajuda divina. As três religiões ensinam que Deus é amor e misericórdia e seu objetivo final é a redenção de toda a humanidade.

Os Caminhos da Libertação

Na Ásia existem certas experiências espirituais que não deveriam ser identificadas com o misticismo e, sim, com caminhos da libertação, da emancipação da consciência humana.

Tentam superar os conceitos de mundo através do pensamento e da linguagem.

Entre os principais caminhos de libertação estão o hinduísmo, o budismo e o taoismo.

Por hoje era isto, espero que o artigo tenha lhe ajudado a conhecer algumas das principais religiões do mundo e suas características de fé.

Abraço e fique com Deus!

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmail